.
.

28.8.20

Alimentação de emergência para gato desidratado (com vômito ou diarreia)

Pipoca parou de comer sozinha de novo. E, além dos vômitos do piripaque renal do ano passado, dessa vez ela também teve diarreia, o que acelerou a desidratação. Dr. Eduardo Carneiro ensinou um truque para melhorar a absorção de água, que eu não podia deixar de compartilhar aqui.


Ingredientes

- 1/4 de mamão
- 1/4 de copo de água
- 1/2 lata grande de ração úmida (usei a Control Cat de 320 gramas)


Modo de preparo

Bata o mamão e a água no liquidificador ou com a ajuda de um mixer — acrescente mais água se ficar muito denso.


Separadamente, processe ração úmida, adicionando água só para dar aquela força na trituração.


Misture, com a colher mesmo, uma medida do suco para cada quatro do patê.


É importante fazer o suco separado para poder aumentar a proporção (até um para dois) se o animal não estranhar o sabor. E não espere que ele vá tomar sozinho! Aqui tem dicas salvadoras para pilotar seringa.

Mas por que mamão?

Vocês provavelmente já sabem que o corpo absorve líquidos mais rápido do que comida, né? E o suco de fruta funciona ainda melhor com os animais do que água pura! O esquema é o mesmo do soro caseiro para humanos: o intestino absorve a glicose do açúcar com prioridade, que chupa os sais minerais do sal e juntos eles sugam mais água para dentro das células. No caso dos bichos, a "frutose" faz esse trabalho sozinha.

Não vale mais a pena, então, oferecer o suco direto? Para cachorro, sim. Gatos não percebem sabores doces, então, tendem a rejeitar frutas, por isso a sugestão de misturar com o patê. Mas por que o mamão, raios? Porque as outras frutas possíveis são banana e coco — a água do coco, na verdade. Só que ambas têm potássio, que interfere na acidez do estômago e pode provocar ainda mais vômitos.

Alertas!

- A alimentação de emergência não substitui a ida ao veterinário.
- Para funcionar, o animal não pode vomitar até as pequenas quantidades de comida — nesse caso, é melhor dar só água mesmo, em doses mínimas.
- Suspenda a dieta imediatamente se a diarreia piorar.
- Não use frutas cítricas, porque causam problemas na boca. Muito menos uva e acerola, que são tóxicas.
- Se o especialista indicou a fluidoterapia para o peludo, aprenda a aplicar em casa.

Pipoquinha ainda não está conseguindo comer ração, mas já saiu do estado crítico. :)

Outras infos importantes

:: Doença renal, pelo maior especialista em gatos do Brasil
:: 7 dicas que podem salvar seu gato
:: Como fazer o bichano beber água
:: O desafio da alimentação natural
:: Quando a alimentação natural não dá certo

Nenhum comentário: