.
.

21.8.15

Os últimos de nove

Eu já fui uma pessoa que andava pela rua despreocupada, sem enxergar os bichos que esperam uma chance de deixar de andar pela rua preocupados. Já ignorei a incompetência do poder público em lidar com a questão. Já telefonei para ONG pedindo resgate de 30 gatos e não tomei uma desligada na cara. Em setembro de 2007, com uma senhora de blusa pendurada no corpo por pregadores, descobri a proteção animal.

A história é longa, ganhou coletânea nestes links: 1 e 2, e se reflete em cada par de olhos que o Gatoca ajuda. Quando essa ajuda chega tarde, lembro das palavras da Susan, que acabaram virando meu mantra: "Foque nas vidas salvas". Dezenas em oito anos. E sete bazares de Natal do AUG, quatro campanhas do agasalho, um arraial, três produções de textos para a agenda e o calendário ― e a quarta em processo.

Porque eu virei voluntária. E quem troca de lado do balcão aprende a dar em vez de pedir. Mas Su se sensibilizou com a campanha do DER, no ar desde abril, e me ofereceu duas vagas na ONG para tirar os últimos filhotes da favela.


No domingo, Julia Roberts e Benedict Cumberbath se despediram do barraco sem janelas e entraram para o site de doação de bichanos mais famoso do país.


No domingo, eu voltei no tempo e tive certeza de que pularia o muro daquele cortiço da Vergueiro de novo.



Leiam também:

:: Panfletagem por uma causa nobre
:: Inscrição em três etapas - parte 1
:: Inscrição em três etapas - partes 2 e 3
:: Protetor é quem cuida
:: Mutirão de castração é para os fortes
:: Se há uma chance, Gatoca é a favor
:: Da favela para Hollywood!
:: Mutirão de castração é para os fortes - parte 2
:: O primeiro de nove!
:: Sementes
:: Adoção platônica
:: Adoção Gremlin
:: Quase famosos
:: Ossos e um coração partidos
:: Felicidade que nunca chega
:: Descanso merecido
:: Para bater recordes de bilheteria!
:: A arte de enxugar gelo
:: Quando a coisa fica preta
:: Desfecho frustrante
:: Refilmagem
:: Favela com emoção
:: Conscientização: o trabalho por trás dos holofotes
:: Ossos e um coração colados
:: NeverEnding Story
:: De Hollywood para o Japão
:: De Hollywood para os palcos
:: Halloween da sorte 2015
:: De Richard Gere para os braços do Pepê
:: Black Friday fracassada

2 comentários:

Kelly Resende disse...

Parabéns pelo lindo trabalho! Tão bom ver o final feliz. Também gostei de ver que o Johnny Deep está bem e feliz, muito bom.
Abraços

Beatriz Levischi disse...

:*