.
.

7.8.15

Desfecho frustrante

Para a maioria dos moradores que caminham por esta viela no DER, o casebre da foto é uma construção comum: pequena, escura, em eterna reforma. Na janela aparentemente vazia, porém, a impotência me encara. Johnny Depp, o gatinho que sempre sentava ao lado da caixa de transporte esperando ter chegado sua vez de ganhar uma família bacana, acabou doado para a vizinha.


Filhote carinhoso e brincalhão, ele agora passa os dias enquadrado nesta moldura solitária, sem os irmãozinhos nem um ser humano sequer para acariciar-lhe as orelhas ― Silvana trabalha fora até tarde e jura que o tigrinho castrado no mutirão do Gatoca é fêmea.

Nós perdemos o timing. Ele, o happy ending.


P.S.: Dois bigodinhos ainda podem ter um final feliz. Escolham um dos cartazes da campanha e divulguem para os amigos. :)


Leiam também:

:: Panfletagem por uma causa nobre
:: Inscrição em três etapas - parte 1
:: Inscrição em três etapas - partes 2 e 3
:: Protetor é quem cuida
:: Mutirão de castração é para os fortes
:: Se há uma chance, Gatoca é a favor
:: Da favela para Hollywood!
:: Mutirão de castração é para os fortes - parte 2
:: O primeiro de nove!
:: Sementes
:: Adoção platônica
:: Adoção Gremlin
:: Quase famosos
:: Ossos e um coração partidos
:: Felicidade que nunca chega
:: Descanso merecido
:: Para bater recordes de bilheteria!
:: A arte de enxugar gelo
:: Quando a coisa fica preta
:: Refilmagem
:: Os últimos de nove
:: Favela com emoção
:: Conscientização: o trabalho por trás dos holofotes
:: Ossos e um coração colados
:: NeverEnding Story
:: De Hollywood para o Japão
:: De Hollywood para os palcos
:: Halloween da sorte 2015
:: De Richard Gere para os braços do Pepê
:: Black Friday fracassada

6 comentários:

Solange Ferreira Lima disse...

Que texto triste, espero que não seja a realidade do gato e que quando a tutora voltar do trabalho possa enchê-lo de mimos.

Guibutterfly disse...

Ahhhhhh eu queria ele pra mim! Que dó!

Taciane disse...

Não ....:'( Bia...que tristeza

Beatriz Levischi disse...

Eu fui lá no sábado para conversar com a Silvana, mas não tinha ninguém em casa. Tentarei de novo no próximo fim de semana.

Ju disse...

Olá Bia... Eu estava louca para adotar o Johnny, mas aqui em casa as coisas estão um pouco complicadas e já temos 2 gatos. Essa notícia partiu meu coração...

Beatriz Levischi disse...

Você viu este post, Ju: http://blog.gatoca.com.br/2015/08/refilmagem.html? :)