.
.

5.8.22

Stray e os melhores jogos de gato, incluindo tabuleiro!

Meu último jogo de computador foi Carmem Sandiego e, no Phantom System piratão, cultivei a primeira gastrite com a fase da lava do Super Mario Bros. De lá para cá, só me arrisquei no FarmVille, por causa de uma matéria para a revista AnaMaria — sou uma pessoa facilmente viciável, com menos tempo livre do que gostaria.

Mas não dava para não falar de Stray, o assunto que uniu os universos gamer e gateiro, né? Com estética cyberpunk, trata-se da história de um tigrinho que acaba se separando da família e precisa explorar os becos de uma cidade futurista dominada por robôs para reencontrá-los, tendo como única companhia um drone voador chamado B-12.


Não falta texto e streaming na internet do lançamento mais bem sucedido da Annapurna Interactive. Escolhi compartilhar com vocês, porém, o vídeo em que o Jackson Galaxy, especialista em comportamento felino, analisa os movimentos realistas do bichano digital e o canal na Twitch da Viviane Silva, apoiadora querida que me ajudou neste post (junto com a Bárbara Santos, Vanessa Araújo, Simone Castro e Aline Silpe) — ainda faz propaganda do Gatoca nas lives!


Ah! Aqui tem a gata real que emprestou a voz ao personagem. ❤

E, como chego atrasada na conversa (furo de reportagem nunca foi meu forte, rs), compenso com mais dez dicas de jogos eletrônicos, de tabuleiro e para celular com peludos, assim vocês podem se divertir sozinhos, de galera e até com a criançada!

Há opções pagas e gratuitas, clássicas e recém-lançadas, todas muito bem-recomendadas pelas meninas. E vários links estão em inglês porque optei por divulgar os sites oficiais, em vez das lojas. Mas dá para escolher o idioma da maioria na hora de jogar. :)

ELETRÔNICOS

Fisti Fluffs (2021)
Os próprios desenvolvedores definem Fisti-Fluffs como um adorável e ridículo jogo de equipes, baseado em física, cujo objetivo é lutar com outros gatos e arruinar cenários em batalhas frenéticas e exageradas — dá para curtir sozinho também, embora perca parte da graça.

- Plataformas: PC (Epic) e Nintendo Switch
- Idade: 10+
- Número de jogadores: até 4
- $: pago


Catlateral Damage (2021)
Simulador de destruição doméstica felina, pede que você, um bichano doidão, derrube o máximo possível de pertences de seu tutor, tomando o cuidado de não deixar nenhum sofá ou cortina sem arranhões.

- Plataformas: PC (Steam), Xbox, PlayStation e Nintendo Switch
- Idade: 10+
- Número de jogadores: 1
- $: pago


Cats Organized Neatly (2020)
Quebra-cabeça delicado 2D, em que o jogador deve encaixar peludos de diferentes formatos e tamanhos em espaços feitos a mão, representando 80 níveis de dificuldade.

- Plataforma: PC (Steam)
- Idade: livre
- Número de jogadores: 1
- $: pago, mas baratinho


Calico (2020)
Você precisa reconstruir o café decadente da cidade, desde a mobília até as guloseimas que serão servidas, enchendo-o de criaturas apertáveis — tem magia, troca de roupas, itens colecionáveis e interação com animais fantásticos.

- Plataforma: PC (Steam e Epic), Xbox e Nintendo Switch
- Idade: livre
- Número de jogadores: 1
- $: pago


NintenDogs + Cats (2011)
Jogo de simulação que permite escolher entre cães e gatos com personalidades e interesses diferentes para cuidar e brincar — relevem o lance das raças! E, com a tecnologia de reconhecimento facial, os filhotes conseguem reconhecer seus tutores!

- Plataforma: Nintendo 3DS
- Idade: livre
- Número de jogadores: 1
- $: pago


TABULEIROS

Calico (2020)
Sim, existem dois criadores sem originalidade, que escolheram o mesmo nome para seus jogos — cálico, com acento em português, se refere à pelagem das gatas tricolores. O objetivo aqui é costurar uma colcha colorida e aconchegante para atrair os felinos.

- Idade: 14+
- Número de jogadores: 2 a 4
- $: bem-pago


Exploding kittens (2015)
No estilo roleta-russa e com humor nonsense, os participantes compram cartas até encontrar um bichano explosivo, que detonará tudo, a menos que surja uma carta de desarmar. E não basta escapar das situações de perigo, é preciso colocar os demais competidores em apuros.

- Idade: 8+
- Número de jogadores: 2 a 5
- $: pago


APPs PARA CELULAR

Simon’s Cat Games (2017 a 2021)
Do clássico Candy Crush à perseguição de borboletas, fugindo de ouriços e ratos, os jogos da franquia trazem o famoso gato do Simon, estrela de mais de 100 animações, em desafios costurados por histórias.

- Sistemas operacionais: iOS e Android
- Idades: 4+ e 9+
- $: grátis, com possibilidade de compras no aplicativo


Talking Tom & Friends (2012 a 2022)
Com mais de duas dezenas de versões (e série animada!), a molecada explora o mundo cantando no caraoquê, nadando, dançando, cuidando da horta ou preparando o jantar para os melhores amigos — há roupinhas e móveis colecionáveis.

- Sistemas operacionais: iOS e Android
- Idade: 4+
- $: grátis, com possibilidade de compras no aplicativo


Neko Atsume (2014)
O objetivo não é dos mais criativos: construir um ambiente confortável com almofadas, brinquedinhos e comida para atrair o maior número de peludos. Mas, como todo aplicativo fofo de celular, vicia. rs

- Sistemas operacionais: iOS e Android
- Idade: 4+
- $: grátis, com possibilidade de compras no aplicativo

3 comentários:

Anônimo disse...

Que superlpost esse! Fiquei morta de curiosidade, que nem gato kkkk vou ter que aprender a jogar. Vem Pimenta, ajuda a tia!!!!!

Anônimo disse...

Adorei Stray! Tem um jogo que estou na expectativa de ser bem legal quando sair: Little Kitty, Big City! :)

wcris disse...

Oh Bia to que nem você, meu ultimo jogo foi Carmem Sandiego! Feliz de alguem lembrar da Carmem, eu chegava do trabalho e me desestressava nela, hahaha

Agora com toda essa jogatina felina vou ter que contratar assessoria pra conhecer.