.
.

18.2.22

Pufosa inventou o chiclete de dente!

Pensem no barulho de ossos sendo mastigados. Agora imaginem uma gata fazendo esse som com os dentes, a mandíbula ou os dois junto. Foi assim que Pufosa e eu paramos no raio-x — ela tentando se esconder da veterinária camuflada de esqueleto, embora ainda sobrassem uns quilinhos, e eu brincando de guerreira medieval (ou monge franciscano?).






Apesar do sorriso branquinho, que me fez relutar em pagar o exame, as radiografias identificaram um desgaste ("presença de halo de osteólise") nas raízes de cinco dentes, dos dois lados da boca — cujo mal-estar a criatura provavelmente ameniza "coçando", em uma releitura de unha raspando na lousa.



E a gente está na torcida para resolver com remédio, porque anestesia aos (quase) 15 anos complica. A experiência de sair de casa pela primeira vez sem a mãe e as irmãs já deve ter sido tão assustadora (vídeo no story do Instagram) que ela voltou a comer bem. rs

3 comentários:

Michelle disse...

Pobrezinha, a minha também está perto, 14 anos e insuficiência renal. Acho que virei a louca dos gatos. Em dois dias abriguei 3 gatos de estacionamento: uma mãe com seu filhote de 3 meses arisco, o qual necessitou de gatoeira para ser resgatado e uma gravida que em dois dias no meu apartamento já começou o trabalho de parto. Previsão de 7 filhotes. A falência e a loucura se aproximam. Conta atual de 7 gatos, possibilidades de dobrar com os bebês. :O

Samanta disse...

Querida!! Que dê tudo certo e que a medicação faça o seu efeito!

Gláucia Almeida disse...

Nossa, Bia, que história assustadora! Na torcida por essa linda senhorinha!!!