.
.

18.7.13

Meu melhor amigo pode ser vegetariano?

Preocupada com a saúde, o planeta e a exploração animal, cada vez mais gente tem se tornado vegetariana. Saiba se esse estilo de vida pode se estender também aos bichos de estimação

Como os gatos evoluíram para consumir praticamente presas, têm dificuldade de aproveitar os nutrientes de origem vegetal. E precisam de mais proteína, aminoácidos e ácidos graxos do que os cachorros, além de taurina, responsável pela saúde dos olhos e do coração, que é encontrada apenas na carne.

Já os focinhos podem adotar a dieta vegetariana sem problema, porque são considerados onívoros oportunistas: seu organismo se adapta para obter os nutrientes essenciais a partir de vários alimentos. "Basta elaborar um cardápio balanceado, que compense as limitações e supra suas necessidades", explica a veterinária nutricionista Sylvia Angélico. Confira as dicas da especialista.

:: Como introduzir a nova dieta
Acrescente os alimentos indicados nas receitas aos poucos. A estratégia ajuda os sentidos e o organismo do cachorro a se acostumarem gradativamente com os novos cheiros, sabores e ingredientes. Se você optar pela ração, misture 1/3 da nova e 2/3 da antiga no primeiro dia, metade de cada uma no segundo e 2/3 da nova e 1/3 da antiga no terceiro.

:: Alerta!
Não dê uva, passas, cebola, chocolate, macadâmia e pimenta ao animal. E, se constatar qualquer alteração, leve-o ao veterinário. Diarreia, vômito e coceira persistentes podem sinalizar alergia. O profissional tentará identificar os alimentos suspeitos para excluí-los da dieta.

:: Refeição turbinada

Para acrescentar nutrientes extras ao cardápio do seu cão, prepare a receitinha do veterinário norte-americano Richard Pitcairn

Ingredientes:
- 2 xícaras de levedura de cerveja em pó
- 1 xícara de grânulos de lecitina
- 1/4 de xícara de pó de fucus
- 2 colheres (sopa) de pó de casca de ovo
- 1/4 de colher (chá) de ascorbato de sódio (opcional)
(Compre em lojas de produtos naturais ou peça a prescrição de um veterinário de confiança para manipular.)

Modo de fazer:
Misture todos os ingredientes e ofereça diariamente uma colher de café rasa para cães de porte pequeno, uma colher de chá rasa para cães de porte médio e uma colher de sobremesa rasa para cães de porte grande. O pó deve ser polvilhado sobre a comida fria, para que o calor não anule suas propriedades nutricionais.

* Texto escrito para a revista AnaMaria, da Editora Abril.

4 comentários:

Anônimo disse...

eu não consegui me tornar vegetariana ainda.confesso q tenho tentado reduzir bastante a carne da minha dieta,mas ta bem difícil.e quanto a dieta vegetariana pARA OS CAES,ELA NAO SAI MAIS CARO,Q A RAÇAO?E QUANTO A PREPARAÇAO,NAO E MAIS TRABALHOSO?OS GATINHOS,CONSEGUEM?EU CONFESSO Q ACHO A RAÇAO MUITO MAIS PRATICA E ECONOMICA.EU NAO TENHO NADA CONTRA QUEM E VEGETARIANO,ATE ADMIRO MUITO QUEM E.MAS OS ANIMAIS,EU NA MINHA HUMILDE OPINIAO,ACHO Q E DA NATUREZA DELES SE ALIMENTAREM NORMALMENTE DE RAÇAO,ACHO Q NAO TEM PORQ,IMPOR A MESMA ALIMENTAÇAO NOSSA PRA ELES.PRINCIPALMENTE OS ANIMAIS COMO A MINHA CLARA,Q TEM Q COMER RAÇAO URINARIA DA ROYAL CANIN,SENAO,ELA COMEÇA A URINAR COM SANGUE.MAS,VAI DA OPINIAO DE CADA UM.EM ACHAR O Q E MELHOR PARA OS SEUS BIGODES E FOCINHOS.MAS,EU GOSTEI DA INFORMAÇAO.PARABENS,VC ESCREVE MUITO BEM.da gateira de CURITIBA><jAMILE

Eliane disse...

Pois é, esse é o problema, este é o dilema: ser vegetariana (um dia vegana, espero), mas alimentar minhas gatas com rações que custaram a vida de outros animais...

Anônimo disse...

pois e,eu respeito a sua opinião.mas como eu já disse,o q seria dos gatinhos q como a minha Clara,precisam comer raçao especial para problemas urinários,senao,ela já começa a urinar com sangue.ja pensou no q seria sem as raçoes medicamentosas?tem bichos q podem morrer se comerem certos alimentos.DA GATEIRA DE CURITIBA><JAMILE

Beatriz Levischi disse...

Uma boa ração não custa barato, Jamile. Mas preparar a comida em casa dá mais trabalho, sim. Gatos alimentados sem carne precisam suplementar a taurina. A natureza dos bichos, na verdade, é caçar. Só que isso não vale para os domesticados.