.
.

22.4.10

Micose exterminada!

Se a giárdia que empesteou Gatoca era de titânio, o fungo devia ter adamantium na estrutura molecular. Tudo começou com o problema de pele da Flea, identificado equivocadamente como sarna e seguido de um falso diagnóstico de cura. Aí, a pulga passou a micose para o Snow e para mim, que passei para o Mercvrivs, que passou para a Jujuba, que passou para a Guda. Não me perguntem quem contaminou o Jacob. rs

Depois de muito pesquisar, Dr. N., Patrícia e eu decidimos tratar os bigodes de formas diferentes, respeitando o perfil de cada um e os limites financeiros desta jornalista freelancer. Mercv tomou 21 dias de Itraconazol (manipulado em farmácia de gente mesmo), porque não oferece resistência a comprimidos. Juju, Guda e Jake ficaram com o spray de Cetoconazol (45 dias), pois só apresentavam uma clareira no corpo inteiro.

E com os bebês resolvemos arriscar a Biocan-M, para evitar que o branquelo virasse um monstro indoável após semanas de tortura. Eu comprei duas doses da vacina (R$ 67,90), já que o resultado da cultura demoraria 15 dias e nós não sabíamos se o fungo dos pequenos era o tal Microsporum canis. E, como a resposta foi positiva, a Planner topou doar as outras quatro.

Dois meses depois, os três tratamentos funcionaram! Para ajudar a erradicar a micose do recinto, aliás, durante toda a batalha Suze limpou a casa com vinagre de maçã e acrescentou na máquina de lavar roupa um copo da solução também. E eu testei a dica de turbinar a imunidade dos peludos, polvilhando levedo de cerveja nos potinhos de ração seca.

17 comentários:

Andrea Rodovalho disse...

que carinha maissss fofa essa do Snow!!!...Apaixonei..

Meu Deus, vc precisa se benzer...rsrs...E ARRUMAR UM GATO PRETO...rsrsrs
Ja entro em panico so de pensar no seu sufoco tentando eliminar essa "epidemia". Só mesmo um pessoa com o seu coração e sua força de vontade pra dar conta dessa bara e não pensar em virar terrorista e jogar umas bombas nas casas dos #@%$*(@#$ que abandonam animais. Afinal de contas a culpa é toda deles.

Doll disse...

Como eu digo: Só com muito amor mesmo!!!!

Bella disse...

Menina, que trabalhão, hein? Ainda bem que já estão todos ótimos!!!

Rose disse...

Aí Beatriz! Bolota na Folha!

Lilian disse...

Levedura de cervaja é ótimo, tente comprar em comprimidos e dar aos peludos os meus comem o comprimido eles adoram...

Beatriz Levischi disse...

Quem disse que eu não penso em virar (eco)terrorista, Andrea? rs

Lilian, seus bigodes comem o comprimido de levedo de cerveja sozinhos e você ainda não ganhou dinheiro com isso?

Segunda tentativa de divulgação da Bolota para adoção fracassada, Rose. Dessa vez, a Folha publicou a gorducha era minha... :\

Guiga disse...

Nossa, Bia! Só quem tem muitos bichos pode imaginar o teu desespero! Já me dá coisas de imaginar alguma pulga aqui em casa (pq já teve infestação uma vez e foi um inferno pra erradicar! Fora o custo de 12 frontlines!), imagina fungo ou vermes! Espero que esteja tudo bem agora! :D
E isso do levedo eu não sabia! É pra imunidade, é? Fala mais sobre isso, please!
Beijão!

Beatriz Levischi disse...

Levedo de cerveja se compra no supermercado mesmo, Guiga. Em pó ou cápsulas. E custa baratinho. Olha o que vem escrito no rótulo: "Complemento alimentar rico em proteínas. São 17 vitaminas, entre as quais se destacam as do complexo B, além de 14 sais minerais e 16 aminoácidos". A Pati me disse para misturar na ração dos bigodes, que aumentaria a imunidade, e parece que deu certo. O único problema é que o Jacob ficou ainda mais gorducho. :\

agnes disse...

Onde compro essa biocan M?? Estou com uma ninhada que peguei na rua e estao todos com fungos... gostaria de aplicar essa vacina... são 4 filhotes com 3 meses mais ou menos se puderem me informar estou no guirosapontes@hotmail.com

Beatriz Levischi disse...

A vacina é vendida para veterinários, Agnes. Eu paguei, mas quem comprou foi o Dr. N. E só eles devem aplicar.

Angela disse...

Ola amigos amantes de felinos. Eu estou com este problema e ja nao sei o que fazer. Nasceram tres filhotes de Persas e todos foram contaminados nao sei por qual agente. Tratei com Itraconazol durante 30 dias. Melhoraram, cresceram os pelos,e agora uma recaida. No dia 08/04/13, perdi minha linda Chitara, uma persa preta dos olhos amarelos com 03 aninhos e dia 08/06, foi a vez de Thor um filhote branco de 4 meses. A tristeza tomou conta de meu coração.Nao sei mais o que fazer.

Beatriz Levischi disse...

Eu não sou especialista em fungos, Angela, mas só vi esporotricose matar. É uma doença séria e pode passar para você. Leve seus gatos ao veterinário, para garantir.

Anônimo disse...

Bia, além das novidades por email, mais novidades!
Vc estava certa, o diagnóstico de micose/fungo foi o mesmo p/meus felinos e o vet tb receitou o Itraconazol, o problema é que a Lola é mega selvagem e tenho dificuldade de dar comprimidos. O pequeno engano com requeijão, agora ela come o requeijão e cospe o comprimido...Alguma dica?

beijo!

Patty

pat_cristais@hotmail.com

Beatriz Levischi disse...

Você tentou imobilizá-la pelo cangote, Patty?

Domingos disse...

Olá, comigo a história foi a seguinte. Eu tinha duas gatas Chica e Julie, Chica com 3 anos e Julie com 15 anos de idade. Meu filho me pediu para adotar um novo gatinho, uma vez que o nosso gato Lowe, havia falecido com 13 anos de idade, algum tempo atrás. Então liguei para um Pet Shop e me avisaram que tinham um filhote macho para adoção que havia sido abandonado lá. Eu e meu filho resolvemos ir buscá-lo, chegando lá que surpresa, haviam dois, uma casal, irmãozinhos e identicos, gemeos, rsrs. E além disso inseparáveis. Então, não conseguimos separar aqueles dois e levamos para casa, Leke e Leka. Infelizmente no dia seguinte a adoção reparei uma mancha na pele da Lekaem seu pescoço e outra na barriga do Leke. Levamos para a veterinária que diagnosticou fungos. Como eram muito pequenos, 1 mes de vida, não podiam tomar muitos medicamentos, então só uma pomadinha e banhos. A imunidade dos dois estava muito baixa e os fungos se alastraram. E não havia nada que pudessemos fazer, além de esperar um pouco mais para entrar com os comprimidos. Então, era banho e pomada. Bom, eles pareciam piorar a cada dia e eu achei que eles não aguentariam. Mas quando fizeram 45 dias, a veterinária resolveu entrar com o xaropinho manipulado de Iraconozol e um suplemento vitamínico, então eles começaram a reagir e tudo foi sumindo e eles melhoraram 100%. Durante todo este período eles ficaram isolados da Julie e da Chica num aposento separado em nossa residência. Elas, Chica e Julie podiam vê-los um pouco distantes algumas vezes sob observação nossa, pois não queriamos que elas se contagiassem,mas também queríamos que elas se acostumassem com a presença dos filhotinhos. E numa dessas visitas, a Julie pulou um cercado que havíamos improvisado e adentrou o aposento dos dois. Foi a única vez e poucos minutos. Achamaos que não seria o suficiente para ela se contaminar, mas nos enganamos e nossa Julie se contaminou. Bom, Leke e Leka se curaram e estão com tres meses e meio agora e a Julie infelizmente se contaminou. Ela agora está fazendo o tratamento, mas os fungos se alastraram porque ela é muito peluda e não conseguimos perceber, só quando os pelos começaram a cair que constatamos. Já caiu os pelos da orelha e de quase todo o rostinho dela, é muito triste de ver, mas não vamos desistir, agora ela está de quarentena e isolada dos demais, porque ela e a Chica são muito amigas e não queremos que a Chica se contamine e nem que Leke e Leka tenham recaídas. Limpamos a casa todos os dias, jogamos fora todos os panos que utilizamos para a limpeza, higienizamos com agua sanitária e produtos veterinários específicos para a limpeza dos amibentes. O problema é que a Julie vai fazer 16 anos mes que vem e está bem debilitada e os remédios também tiveram que ser administrados com muita cautela.Os banhos foram recomendados, mas infelzimente estamos bem no meio de um frio intenso em nossa cidade no início do inverno e o ar muito gelado,e é meio complicado dar banho nessa época do ano, por mais cuidados que possamos ter com a secagem do seu pelo, uma vez que ela se apavora com o secador e fica estressada e apavorada. Eu e meu filho também estamos tomando medicamento, 1 comprimido de fluconazol 150mg 1 vez por semana, para evitar o contágio e dessa forma podermos tratar a Julie sem deixar de oferecer o carinho que ela necessita e sempre mereceu. Bom, fiquei sabendo que existe vacina para isso, mas que as indústrias farmaceuticas pararam de fabricar alegando baixa incidência ou pouca procura. Bom, o que mais tenho visto são centenas de relatos de pessoas com seus animais infestados de fungos. |Pretendo iniciar uma campanha para que voltem as vacinas em meu país, Brasil que por alguma razão que ainda desconhecemos pararam de ser fabricadas.

Beatriz Levischi disse...

O tratamento com a vacina saía bem mais caro, Domingos. Por isso a procura devia ser baixa.

Monica disse...

Oi Bea, tudo bem?
Minha filhota está com fungo é pesquisando cheguei no Gatoca.
Há quantidade específica para o uso do levedo na ração? Alguma contra indicação?