.
.

20.1.09

Pandora agora é vizinha da Ana Hickmann!

Atualizado em 22.01.09, com informações decentes sobre o milagre

Eu voltei de Curitiba achando que jamais conseguiria outra doação como a do Marley, mesmo que o coração de pudim insistisse em batucar por décadas a fio. E quando a Rose ligou para contar que havia decidido ficar com a Pandora, duas semanas depois, não pude frear o impulso de me beliscar. Se o escritório sucumbisse a um motim de fadas e gnomos, no minuto seguinte, seria melhor preparar um contra-ataque.

A viagem da pantera a Sorocaba já estava até marcada, mas tinha como destino o quintal de uma família mais-ou-menos, só para livrá-la da solidão do sítio temporário. De tanto que eu resmunguei na orelha de São Francisco, porém, o povo acabou trocando a pastora por um casal de poodles e, na mesma noite, Rose sonhou com uma cachorra preta pedindo para entrar em casa.

"Há dias ando preparando nove bolachas com requeijão para o café da manhã dos focinhos, ao invés de oito. Deve ser um sinal", tentou justificar a escolha irracional. "Podem gravar o comercial de margarina", eu pensei no ato. E nem me importei com as três horas e meia de trolebus-metrô-viaçãocometa (boa parte do percurso em pé, em pleno sábado) rumo ao interior.

No canil do Capim Santo, Pan nos recebeu empolgada, alternando pulinhos de euforia com o pavor de um novo abandono. Tremia de dar dó. O comportamento esquisito não passou nem no condomínio chiquérrimo da Ana Hickmann e do Raul Gil. Bastava eu mudar de cômodo, para que a coitada desandasse a chorar, gritar, fungar o nariz. Tudo isso junto.

Sorte que a paciência e o carinho dos Fenselau se mostraram ainda maiores que o terreno de 2,5 mil metros quadrados. A simpatia da princesa por Detlev, aliás, foi instantânea. Bem como a aceitação do exército de peludos. Nina logo quis brincar, Lumpy arriscou um galanteio no estilo Don Juan canino, Bob soltou três bufadas e desistiu de fingir hostilidade, Preta limitou-se a ignorá-la.

No segundo turno de apresentações, Mel, Lili e Dexter agiram de forma igualmente gentil. Apenas Zelda, o exemplar gigante da turma, permaneceu presa (e mal humorada). Para diminuir a agitação, Pan ganhou leite de cabra morno, pãozinho mergulhado no floral, ração úmida com calmante fitoterápico. Podia beber água na piscina quantas vezes desejasse e chegou a simular uns tropeções para abrandar o calor.

Agora, precisará aprender alemão para entender as broncas, agrados e instruções de convivência pacífica. Abrir portas e pular janelas ela sabe bem. Fez uma demonstração especial, inclusive, no domingo, enquanto eu arrumava a mala para ir embora (após passar a madrugada inteira gemendo na garagem). Como parte do ritual de despedida, entreguei-lhe a clássica camiseta fedida, que Rose comentou ainda servir de travesseiro, e saí correndo.

De vez em quando, a fiel escudeira me procura pela casa, mas não se desespera mais. Virou confidente da Zelda (quem diria?!), arrisca participar das latições da matilha contra os transeuntes, rouba as bolachas com requeijão dos desavisados, assiste televisão no pé do Christian. Até o cocô melhorou, embora o exame tenha acusado a presença de vermes. O veterinário acha que ela enfrentou, no mínimo, cinco invernos ao longo da vida.

Espero, minha grande amiga, que daqui para frente você só respire primaveras. :)

Para ampliar, cliquem na imagem

40 comentários:

disse...

será que eles não adotam uma mãe solteira de 3 filhos peludos?

silvana disse...

Maravilha! A Pandora foi adotada e mora agora nessa casa maravilhosa? Bia, passe um tempinho trabalhando em casa, fazendo compras pela internet...rs.
Praia, nem pensar, lembre dos pinguins da Clotilde..
bjs
Sil

Gisa disse...

Que bom! A linda está curtindo até uma piscina e um espaço marvailhoso. Vida longa e feliz para Pandora!
Bjs

Anônimo disse...

Ki bom Bia ki a pandora econtrou um lar tão lindo... tenho certeza ki ela será muito feliz aí... e tem até amiguinhos, piscina e um gramado enormeee... ahhh, sem falar ki ela tá tão bonita q combinou com o lugar né!!! rs
Bjs.

Dani

Anônimo disse...

Bia que maravilha a Pandorora encontrou uma família e um lar belo.Parabéns para voce pela luta em prol dos focinhos, Marley e Pandora.Agora descanse bastante e curta a paz pelo dever cumprido.Thereza e Bigodes.Beijos e Muitos Miaus

Andrea disse...

Nossa!! Agora meu dia ficou mais colorido!!! Espero que a Pandora tenha a vida que sempre mereceu!!! Parabéns coração de pudim! Torço sempre por vc!!! Beijocas!

Gatinhos de toda parte disse...

Uau! Ela tem até piscina :-D

Doa Cão e Gatos disse...

Parabéns!!!

Beijos

Leila disse...

Pandora! Vai ter sorte assim lá na casa do chapéu... eu também quero ser adotada... aceito morar na edícula!

Amanda disse...

repara como mudou o olhar...

Guiga disse...

Eu tb quero ir pra lá! Será que eles não estão precisando de alguém pra cuidar do jardim, limpar a piscina, dar comida pros cachorros...?

VIVA A PANDORINHAAAAAA!!!

Anônimo disse...

Oi Bia, que alegria saber que agora o Marley e a Pandora já estão em seus novos lares e recebendo muito amor depois de conhecer o abandono nas ruas.
Que Deus te ilumine sempre!
Você merece tudo de bom.
beijos prá você e seus bigodes.
Tania

Bella disse...

Que boa notícia, Bia!!!! Vou esperar ansiosa pelo relato de como foi... mas já vou colocar um post no Dias de Cão, viu? mandei e-mail pra Deus e o mundo pedindo um dono para ela, hehehe

Anônimo disse...

Alguma coisa me diz que a Bia tem contato direto com Deus. =)
Ela, Pandora, Marley e todos os focinhos do mundo merecem finais felizes.

bjo e boa semana.

Pinxi & Cats

Bia Rónai disse...

Que lindo!! Acompanhei a história da Pandora e achei lindo ela toda pimpona no jardim verdinho.
Parabéns!!

Vivi e Mozart disse...

Ficamos muito felizes por você e pela Pan!
Bjs e lambidas!
Vivi e Mozart

Beatriz Levischi disse...

Como você descobriu o Gatoca, Bia (Rónai)? Eu sou fã da sua mãe, desde os posts da Capivara da Lagoa! :)

Juliana - SJCAMPOS disse...

E pensar que ainda teve gente que te sugeriu desistir da coitadinha...
Bia, te admiro muito por seu amor pelos animais. Se todos fossem como vc, o mundo seria um lugar perfeito.
Que Deus cubra sua vida com bençãos, para que vc possa continuar ajudando aos que precisam.
Beijocas

Claudia disse...

Demorou mais valeu a pena!!!! Viva!!!

Juliana disse...

Ainda bem (pra você) que eu não tenho seu telefone, senão você ia receber telefonema meu cada vez que postasse uma notícia dessa em estilo tortura! Dá pra contar, pelamordedeus, que lugar é esse, quem são essas pessoas, essa senhora simpática de camiseta "vermelho coração", essa casa linda com piscina de água de beber?
Beijos ansiosos,
Ju.
PS: E a Bia, é filha da Cora? Que história é essa de posts da Capivara da Lagoa?

Carolina disse...

Bia, assim você mata a gente de ansiedade! Que lugar maravilhoso é esse?
E o post anterior? Porque? Tá tudo bem?
Estou esperando as novidades enquanto como minhas unhas.
Beijão.

O Time do Tigor disse...

Pandorinha, cara de lobo-mau! Estamos muito felizes por vc.

bjs

marisa licursi disse...

Hum...
até a família Ronai neste blog?
Tá ficando chic o negócio! rsrs

Pandorinha ganhou um casão digno da espera que ela teve...

Que delícia de quintal

Ueba!

Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!!

Japa Girl disse...

Que boa notícia! Pandora combinou perfeitamente com o local, vocês não acham?
Bjo!

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Ela foi para o paraíso? Tb me coloco para adoção, pode ser? Hehe! Fiquei muito feliz por ela, que lugar espaçoso pra ela correr!

kelly disse...

tô muito feliz de ver a pandora em um lugar tão lindo.

Patrícia disse...

Oi Bia!
Que felicidade essa noticia! Agora guenta (com ou sem trema???rs) a Pan hein... vizinha da Ana Hickmann...rs
Que bom, é sempre bom ler boas noticias após um dia de trabalho pesado.
Nada como um dia após o outro né!
Beijos

Michelle disse...

Bia..que alegria, que felicidade.. Tudo de melhor para todos.
Bjos

Ana Paula disse...

Que notícia ótima. É a prova maior de que a soma de pensamentos positivos pode trazer coisas boas. :)

abraço, ana

Juliana disse...

Lágrimas de felicidade... snifff...
Será que sempre vou chorar lendo seus post emocionados?
Beijo e mais parabéns,
Ju.

Elaine disse...

Olá!
Por todo blog que eu passo vejo seu link e lendo seu blog eu entendo exatamente o porquê.
Que Deus a abençoe, minha querida.Saiba que a cada vida que você salva um tijolinho é mandado para o céu para a construção da sua casa lá.
Fica com Deus.

Guiga disse...

Tá...eu li todo o post tranquila...aí o final me acabou:

"O veterinário acha que ela enfrentou, no mínimo, cinco invernos ao longo da vida.
Espero, minha grande amiga, que daqui para frente você só respire primaveras."

Virei uma cachoeira em questão de 2 segundos!

A casa linda e o terreno imenso são tudo que um cachorro sempre sonhou...mas isso não seria nada sem amor, né! A Pan levou o pacote completo!

Gatinhos de toda parte disse...

Mais uma missão Gatoca cumprida :)

Carol disse...

Coisa mais linda que é história de cachorro com final feliz. Totalmente Hollywood para Sessão da Tarde.
:-)
Estou feliz!
Bjs.

Bella disse...

Mais um final feliz by Gatoca!!!
concordo com um dos comentários: a Pandora combinou perfeitamente com o ambiente! beijinho!

petuniaemarcia disse...

Buáaaaaaaa...
De alegria e agradecimento!
À familia que será muito feliz com ela...e ela com eles e mais os peludinhos fofos que vi na foto!
Vida longa e feliz....
E viva o Gatoca!
Bjim
Marcia e Petunia

venuss disse...

Milagres acontecem. A Pandora foi iluminada duas vezes: uma quando crusou pelo teu caminho, duas quando encantou o coração dessa família. Que sejam muito felizes!

Bia, eu leio o Gatoca diariamente, mas pouco me manifesto. Inspirada em suas crônicas de bigodes, criei um blog pra ajudar na divulgação de uma ninhada de 5 que largaram dentro de uma caixa na praia.
Se puder ajudar na divulgação:
http://madamemiau.blogspot.com/

obrigada!

d e n i s e disse...

.
ai eu chorei!!!
snif
.

Gisele (Gunther, Mingau, Brigitte, Yoda, Matteo, Catrina, Sofia, Pogo, Mel e Bob) disse...

Ah, Bia, Bia... Vc sempre me fazendo chorar...
Que maravilha, que máximo, que tudo! Tanto Marley quanto Pandora ganharam casas e famílias de comercial de margarina! A espera foi longa e árdua, mas infinitamente recompensada!
Parabéns mais uma vez, mulher! Vc é, definitivamente, iluminada!
Beijos no coração!

Jon Levischi disse...

O que seria da vida dos peludos sem a Bia!? rs