.
.

8.5.11

Aniversariante do mês e mãe em tempo integral

Os quatro anos da Guda* em Gatoca coincidiram com o fim de semana do Dia das Mães, rendendo este post "dois em um". E a sincronia não podia ter sido mais acertada, visto que a ex-barriguda rejeita quaisquer guloseimas e brinquedinhos para curtir as datas especiais em família. Deixo vocês, então, com a foto-reflexão de que mãe é aquela criatura que está sempre ao nosso lado, por mais maluco ou inconveniente que a gente pareça.

P.S.: A minha já morreu, mas retribuiu os girassóis com um pôr-do-sol de duas cores. :)

*Novelinha: Conheça a história da Guda

Outros aniversários: 2010 | 2009 | 2008

Especial Dia das Mães: 2009 | 2008

7 comentários:

Vânia disse...

Que linda! Parabéns à mamãe bigode!
Beijos do Toco e da Genoveva

Repositório disse...

Que fofura!!
Um beijo

Anônimo disse...

Bia,
Não vim te desejar feliz dia ontem porque mãezona querida e dedicada você é sempre e por isso, merece feliz dia TODOS os dias!
(Boa desculpa para encobrir a "falha", heim?!...rsrsrs)
Mas espero que todas as mamães em Gatoca, tenham tido um dia cheinho de mimos e momentos especiais.
Beijo carinhoso de uma mãe com "tempero" a la Gatoca.

Ana C.

Mi GM disse...

Oi.. passo qse todo dia por aqui pra dar uma espiada nessas delicias =)
Qria saber se vc pode tirar uma dúvida de 'mãe de 1ª viagem'
Minha gatoca tem 2 meses e ja esta subindo na arvore de casa e subindo no muro. Tem algo q eu possa fazer pra q ela ñ faça isso? tenho medo de ela pular na rua, ou em algum vizinho.
Um bjo grande pra todos vcs =)

Beatriz Levischi disse...

Obrigada pelo carinho, Ana! :)

Mi, a única forma eficaz de impedir o acesso à rua é telar a casa. Gatos são seres curiosos e, mesmo castrados, adoram bater perna por aí. Acontece que o planeta está caótico demais e as pessoas, cada vez mais cruéis para a gente permitir esses passeios, né? Já pensou se a bichinha resolve fazer coco no jardim daquele vizinho mala? Ou atravessar a rua na frente de um motorista distraído? Ou brigar com bigodes portadores de doenças fatais? Me manda um e-mail que eu te passo a listinha de empresas que instalam redes de proteção: bialevischi@yahoo.com.br. ;)

Mi GM disse...

Oi Bia, obrigado pela atenção. Imaginei que esta seria a solução, porém, a árvore em questão ultrapassa os limites do muro.. a solução seria coloca-la abaixo, mas isso acabaria com a unica sombra e frutinhas da casa.
Tenho tentando o metodo do susto com ela (ela morre de medo do secador ^^) e por enquanto ela não se atreveu a subir. Espero que isso dê jeito.
Um beijão pra vcs.

Beatriz Levischi disse...

E não dá para telar em volta do tronco da árvore, Mi? O problema da técnica do secador é que a gata associa o barulho a você e não sentirá medo quando estiver sozinha.