.
.

24.1.12

O dia em que a Paulista parou pelos animais

Domingo começou agitado em Gatoca. Às 7h da madrugada já tinha correria de bigode pela sala, vidro quebrado no banheiro e o Chuvisco com cara de "não fui eu quem errou o salto e atacou a janela com a cabeça, mãe". Depois de 40 minutos reconstituindo o mosaico, restava só meia hora para tomar banho, ajeitar a casa e cuidar de 12 gatos. É que um café da manhã com french toast ainda me esperava no apartamento da Michele.

Se não fosse o afobamento, acho que eu teria me emocionado com a muvuca de amantes de animais em frente ao Masp. A Polícia Militar estimou 7 mil pessoas e os organizadores da manifestação "Crueldade Nunca Mais", 20 mil. Olhando do Gatocóptero os três quarteirões da Paulista tomados de gente (obrigada, Mi!), eu arriscaria umas 10 mil, de todas as cores e tamanhos imagináveis.


Alexandre Rossi levou a Estopinha, Luisa Mell não parava de agitar um minuto e até a modelo Gianne Albertoni desfilou seu 1,80 metros por lá - a imprensa citou também a presença da atriz Lúcia Veríssimo, dos atores Nico Puig e Marcelo Médici, da ex-vereadora Soninha Francine e do deputado estadual Feliciano Filho, mas com eles eu não cruzei.


No fim da caminhada, dois quilos mais magra por tentar militar, apurar informações, fotografar, filmar e conversar com os leitores queridos deste blog, meu coração transbordava esperança. Quando brasileiros de 170 cidades desligam a televisão e resolvem protagonizar sua própria história, a coisa há de mudar. E quem maltrata bicho ainda conhecerá o inferno.

Cliquem na imagem para ver a galeria de fotos



Concentração em frente ao Masp



Imagem do Gatocóptero


Confira a repercussão da manifestação: G1 | Terra | UOL | R7 | SBT | CBN | Folha | Estadão | Anda | Viste-se

21 comentários:

Kuka disse...

Te vi lá :D . E a Soninha tava a uns 3 metros de vc no final, qdo todo mundo tava na frente do Masp.

Anônimo disse...

Uauuuuu, eu adoraria ter participado!!! Pena que moro tão longe. Quem sabe numa próxima vez.

Rose Borella

Marcia Adriana Amaral disse...

Que légal Bia, muita gente mesmo, espero que esta manifestação surta resultado perante os governantes, acorda Brasil!

Bjokas
Ma

Celina (gatoburi) disse...

Eu e o comandante estamos no filminho do encerramento feito pela Anda ! Quem me identificar ganha uma paçoquinha !

May disse...

vai falar que tinha só 5 mil pessoas?! pelamor!!!!
tava linda a manifestação!

marisa licursi disse...

foi lindo, emocionante!
tomara que vejam que muita gente que ama os animais pode decidir uma eleição se o babaca se meter à não defender os direitos animais!

parabéns, Bia!

Anônimo disse...

Até que enfim alguem mostrou imagens aéreas! Tinha que ser você.
bjs
Sil

Fowler disse...

Bia tivemos um dia parecido e e ainda tive que fazer entrevistas.. Mas este video de tomada aérea, matou a pau !
Poderia até dizer que foi "um furo" fantástico. Eu sai da Paulista dizendo que o público estava entre 8 e 10.000 pessoas e o video confirmou esta sensação. Belo post !!!! Kisses

Memyself disse...

Fiquei imensamente frustrada quando as passeatas anti-corrupção só conseguiram reunir algumas centenas de pessoas, mas minhas esperanças no ser humano renovaram-se com a presença de tantas pessoas na defesa dos animais. Você tem toda razão, Beatriz: quem maltrata bicho ainda conhecerá o inferno.

Isabelle Dresch disse...

Em Curitiba estima-se que 1000 pessoas participaram, e foi lindo também! Não tivemos famosos, mas contamos com um político da cidade que participou!Uma coisa rara, porque geralmente eles só se preocupam conosco alguns meses antes das eleições... Fiquei muito feliz!!!

Veri Gravina disse...

Altruísmo ainda me da arrepios: ver 10.000 pessoas unidas pedindo um Brasil menos covarde (e com penas mais severas as Dalvas da vida) me enche de esperança. Lagrimas de orgulho. Lindo, Bia!

Anônimo disse...

Muito legal! Pena não consegui encontrar você prum abraço pessoal, vai ficar pra próxima.
Parabéns pela cobertura linda que fez.
Abs.
Ana - Araça

MEY disse...

Me emocionei muito vendo as imagens e os vídeos, realmente uma união de força e bravura em defesa dos nossos eternos amores: Os Animais!Realmente foi muito linda, e que ela possa surtir um grandioso efeito,que as leis possam ser mais severas contra esses seres desumanos.E que linda imagem vista de cima!!!Bravo!!!

Anônimo disse...

Passei por voce na Paulista, e tb vi quase todos os famosos que participaram. Adorei fazer parte dessa massa que ama os animais e que ainda crê num futuro melhor e com uma legislação apropriada, que não os trate como "coisa, semovente" bjs Alice

Mariana disse...

Beatriz, tudo bom? Acompanho o Gatoca há um tempinho...já comentei aqui algumas vezes, sobre meu gato que arrebentou o pescoço numa briga e tal...bom, vim contar uma novidade, adotei um bigode filhote ontem. Sempre tive gatos, mas quando mudei de Natal para Recife tive que deixá-los na casa da minha mãe. Em Recife, adotei (ou fui adotada?)dois gatos adultos que eram de rua, um macho (esse do problema no pescoço) e uma fêmea, eles sao criados na casa da minha sogra, com quintal, arvores pra brincar, espaço, etc. Sempre resisti em levá-los pro meu apartamento...sempre achei q seria injusto com eles, que eles perderiam espaço, liberdade (apesar de já serem castrados), etc. E eles seguem lá nessa casa, até hoje. Mas ontem, do alto do apartamento, à noite, comecei a ouvir um miado de um filhote desesperado, quase um pedido de socorro. Da varanda vimos o pequenino (uns 02 meses) na esquina da rua e numa decisao dificil (uma mistura de razao e emoção) fui lá buscar a criaturinha. Um macho, mansinho, indefeso e carente (acho q tinham abandonado ele na rua havia pouco tempo). Já está lá instalado,corremos pra comprar ração de filhote, adaptamos caixa de papelão, jornais, etc. Minha angústia é que ele seja um gato triste, nao sei, por ser só ele, por ficar num apartamento o dia inteiro, etc...vc tem alguma dica para criar gato em apto? Bom, fora isso, estou feliz pela adoção e ver a carinha de gratidão dele não tem preço! É isso! Beijo pra vc e pros bigodes (em especial, Simba)!

Adrina disse...

Mariana

Sempre morei em apartamento e não acho que era ruim para os gatos não. Como as janelas eram teladas eles ficavam deitados no parapeito tomando sol e adoravam. Seria bom se você pudesse adotar mais um, pois assim eles poderiam brincar enquanto você está fora. Não fique preocupada, gatos se adaptam muito bem em apartamentos. Até os que eu peguei da rua já adultos se acostumaram fácil.
Boa sorte!

Carol disse...

Oi, Mariana, tenho 2 gatas no meu apartamento de 60m² e elas são muito felizes, tenho certeza! Quanto eu tinha só me sentia culpada por ela ficar o dia todo num espaço reduzido. Depois adotei mais uma e sei que elas brincam muito na minha ausência, pois deixam indícios de bagunça...rs. Pense em adotar mais um e fique tranquila, pois eles serão muito felizes! Bjos

Mariana disse...

Adrina e Carol, obrigada pelo apoio! Pois é, o apartamento já é todo telado pois o morador anterior tinha crianças e colocou tela em tudo (isso já me deixa bem tranquila). Meio receio mesmo é a solidão dele e os espaços limitados...o apartamento tem 80m2, mas mesmo assim ainda acho poucp para um gato...
Já pensei sim em adotar outro bigode para fazer companhia, mas antes disso vou ter q convencer o meu marido! Enquanto isso nao acontece, vou enchendo Leônidas de brinquedos, bolinhas, caixas de papelão, etc! Beijos e obrigada!

Beatriz Levischi disse...

Foi um marco na proteção animal, né? 170 cidades participantes! :)

Por que vocês não vieram falar comigo, meninas? Esse povo envergonhado...

Janeiro é mês de voltar ao oculista, Kuka. rs

Celina, você estava de bege?

Gatoca tem leitores influentes, Sil e Fowler. ;)

Mariana, parabéns pela adoção! Adrina e Carol estão certas. Bigodes se acostumam em qualquer lugar. E a dica da duplinha é ótima. Mostre este post para o seu marido: http://blog.gatoca.com.br/2011/01/dois-e-melhor-do-que-um.html.

Flavia disse...

Eu e meu marido adoramos ter participado da manifestação.
É muito bom estar entre as pessoas de bem que compartilham do mesmo sentimento que nós. Foi uma emoção muito forte. A sensação de impotência foi reduzida.
Ah! Já imaginou um mundo só formado com amantes de animais?...e os animais, é claro! ;)
Flavia

Beatriz Levischi disse...

Um mundo formado por pessoas que respeitam os animais já estaria ótimo. :)