.
.

17.10.09

Quadrilha às avessas

Tem dias que os bigodes me lembram aquele poema do Carlos Drummond de Andrade. Do nada, a Guda resolve bater no Simba, que estava passando, aí o Simba se vinga na Clara, que estava comendo, a Clara rosna para o Mercvrivs, que estava dormindo, e o Mercvrivs morde a Gudinha mais próxima, que não desconta em ninguém.

5 comentários:

Gloria disse...

Olha!Foto e notícias da Clara luz!
Essa cadeia de acontecimentos tambem rola por aqui! Normal.
Bom Domingo.
Bjs.
Gloria.
Noticias da Pandora e do Marley?

Gata Lili disse...

a bicharada toda é uma verdadeira sociedade dos poetas vivos, né? miaaauuu...

Lina Gatolina disse...

familia grande é um barato!
beijos
saudade
denise

Adrina disse...

Ixi, aqui em casa acontece igualzinho... Ainda mais agora com a chegada do Fidel (subiu para 6 o número de gatos). A Frida passa por ele, leva um tabefe, desconta na Tarsila, que bate no Morfeu, que surra o Neruda, que não bate em ninguém. E o Mandela, que é amigo de todos, fica só olhando...

Beatriz Levischi disse...

Miharu e Rose são as adotantes de Gatoca que mais mandam notícias, Gloria. Marley continua aprontando em Santa Felicidade, mas já está bem mais calmo. E Pandora finalmente recuperou a alma de pastora. :)