.
.

28.1.19

Como ajudar os animais de Brumadinho

Eu li muitas reportagens sobre o rompimento da barragem da Vale, que deixou Brumadinho (MG) soterrada em lama e detritos de mina. Assisti a vídeos de biólogo, jornalista, ecossocialista. Vi fotos arrasadoras (e revoltantes) dos bichos ilhados e mortos. Mas compartilhar desgraça não é o propósito deste projeto, que precisa de pessoas inteiras para continuar na luta.

Luli Sarraf me deu, então, a oportunidade de engajar o Gatoca na solução de parte (ainda que pequena) do desastre: a Celebridade-Vira Lata está arrecadando ração, água e jornal para levar à equipe de veterinários que atuará no local assim que os policiais liberarem o acesso.

O posto de coleta para quem mora em São Paulo é a Nature Dog House, na Av Jamaris, 1092, em Moema. E eu me disponho a juntar as doações sorocabanas. Em breve, deve rolar também uma vaquinha para custear o transporte e a compra de insumos. Fiquem de olho na página da Celebridade no Facebook!

O Ministério Público de Minas havia cobrado o resgate imediato dos animais, a assessoria de imprensa da Vale informou que o trabalho já estava sendo feito por oito equipes, mas grupos de proteção reclamam da falta de apoio. E o Conselho Regional de Medicina Veterinária foi procurado por mais de 1 mil voluntários oferecendo ajuda!


Vale a pena, humanidade? (Foto de Márcia Foletto)

3 comentários:

Anônimo disse...

Essa imagem NUNCA vai sair da minha memória.
Que tristeza...

Bia disse...

Sem palavras. Só lágrimas

Elisabete Domingos disse...

Fiquei muito triste de ver a vaca atolada na lama, lutando para não afundar, berrando , sem comida, sem água, devia estar muito esgotada de ficar ali lutando sózinha. Fiquei perplexa, inconformada e muito revoltada de saber que estavam atirando nos animais. Meu Deus que covardia. Chorei muito e me senti impotente. Mas graças a Deus hoje (quarta feira) ela foi resgatada pelo helicoptero e está em segurança.