.
.

25.4.18

5 motivos para ganhar uma lambida de gato

Acreditem, elas possuem significados diferentes. Batatinha, por exemplo, me lambia antes de se aninhar no colo, retribuindo o afeto que Penélope, a mãe felina, tinha com a ninhada de frajolas apertáveis. Abaixo, seguem as principais hipóteses para um ataque lingual:

1) Ser família
Como no caso do Batata, há bigodes que lambem seus tutores para construir e fortalecer vínculos sociais, demonstrando o carinho e a proteção aprendidos na infância.

2) Ter bicho possessivo
Marcar território com xixi não é a única forma de afastar a concorrência, já que a saliva dos bigodes também possui partículas que funcionam como assinatura. Só tomem cuidado com a lambeção compulsiva, que pode sinalizar problema de saúde.

3) Nascer com gosto bom
Quanto mais salgadinho, melhor ― suor, então, é banquete! Mas também há os doidões que curtem sabonetes e hidrantes.

4) Funcionar como calmante
Em situações de estresse e extrema ansiedade, os peludos podem se confortar nos lambiscando, sim. Isso ocorre bastante com filhotes separados da mãe muito cedo. E, às vezes, continua na vida adulta.

5) Ser amado
Não existe maior demonstração de amor para um bichano do que manter a higiene em dia. Banho de língua caprichado, portanto, equivale à declaração de amor.


* Texto escrito para o Yahoo!

20.4.18

Aniversariante do mês - abril de 2018

Os 12 anos da Clara* caíram entre a viagem ítalo-parisiense e o vídeo de hoje, que eu cheguei a gravar, mas não consegui editar a tempo (sorry!). Isso quer dizer que a gata de patchwork não foi apertada com a delonga merecida. E que aqui jaz uma tutora exausta e culpada, publicando post num horário em que ninguém mais vai ler. Estagiário de vida, cadê você?


*Novelinha: Conheça a história da Clara

Outros aniversários: 2017 | 2016 | 2015 |2014 | 2013 | 2012 | 2011 | 2010 | 2009 | 2008

18.4.18

As grandes questões da humanidade

― Simba foi seu primeiro gato, Bia?
― Não, o primeiro foi o Mercv, seu favorito.
― Mas por que o Simba morreu antes?
― Porque nem sempre morre o mais velho. Minha mãe, por exemplo, morreu com 56 anos e sua avó tem 75. Você sabe que 75 é maior do que 56, né?
― Sim. Só estou curiosa para descobrir por que isso acontece.

13.4.18

Enfim, casa!

Quando você fica duas semanas fora e vai a um bistrô italiano com gatos para ter a comida pisada e matar a saudade.






Na semana que vem, nós voltamos à programação normal!