.
.

2.2.15

Cocô fora da caixa

Atualizado em 3 de fevereiro de 2015

Eu entendo mais de xixi, confesso. Mas a Giovana Kraft escreveu pedindo ajuda e leitor do Gatoca nunca fica sem resposta ― ninguém até agora perguntou os números da loteria acumulada ou que futuro terá o país sem água e energia elétrica. Vale dizer que o bigode dela é filho único, fez vários exames e o veterinário não encontrou nenhum problema de saúde que causasse esse comportamento.

Encaminhei a mensagem, então, ao grupo de voluntários do AUG, que completou 12 anos de existência com 7 mil bichanos doados, e juntei as respostas nesta listinha de possíveis soluções (obrigada, Laraue Motta, Luciana Florence, Silvana Marques, Juliana Bussab, Carol Zanni, Mariana Dias, Lucy Cardia, Denise Granja, Fernanda Uchoa e Susan Yamamoto! :*):

Comece pelo granulado higiênico
Experimente outros tipos e marcas. Há opções à base de argila, de madeira, de sílica e até de sabugo do milho. A ONG também já cuidou de gatos que preferiam a caixinha forrada com jornal picado, para não precisar pisar nos grânulos.

Passe para o banheiro
Primeiro, troque de cômodo. O peludo pode não gostar da máquina barulhenta de lavar, por exemplo. Se não der certo, compre um modelo maior ou aberto/fechado. E não deixe de tentar o banheiro extra. Tem criatura, acredite, que se recusa a fazer o número um e o número dois no mesmo lugar.

Apele a um especialista em comportamento
Compulsão é uma das síndromes mais difíceis de se curar. O pessoal indicou unanimemente a Drª. Daniela Ramos, do Psicovet.

Susan alertou ainda que existem distúrbios complicados de detectar, como as enterites, em que o animal faz cocô várias vezes por dia, mais mole e fedido do que o normal, e frequentemente fora da caixa. O ideal, nesse caso, é insistir nos exames ou consultar outro veterinário.

Nos comentários, tem mais dicas. ;)

43 comentários:

Anônimo disse...

Ixiii, não quero desanimar ninguém mas tenho esse problema e nunca consegui resolver. Ohha que dentre váriossss apenas um, unzinho que resolve ser o "porquinho". No começo achei que fosse hábito de ex favelado. Mas o tempo passa e não mudou. Xixi ele até acerta o alvo mas cocô, não tem acordo.Vai entender...
Enfim, boa sorte!
Ana C.

Anônimo disse...

Tenho um que vira a caixinha, derrama a areia e faz na areia que derramou.

Isis Correia disse...

Já li depoimentos de veterinários que dizem que o granulado de sílica, sob uso prolongado, pode causar câncer. Verdade?

Marco Mandarino disse...

Sobre o gato fazer suas necessidades fora da caixa, já li que pode ser algum problema nas patas, entres as almofadinhas das patas, tipo do granulado. Também já vi sobre a caixa ser muito alta e o gato ter dificuldade de entrar nela. Minha experiência pessoal diz que quando o gato não usa a caixa, é porque algo esta errado. No meu caso em especifico, estava mesmo doente, foi um dos primeiros sintomas.

Juliane Rocha disse...

Um dos meus gatos não aceita a caixa de areia de jeito nenhum!!! Tentei todas as marcas e texturas de areia existentes. Ele se recusa a pisar na areia. Ele sabe que a caixa é para as necessidades dele, mas não entra de jeito nenhum!!!! Tanto sabe, que faz cocô no chão, bem do lado da caixa!!! Xixi ele faz no ralo da pia. Pontaria certeira. Depois, abro a torneira pra "dar descarga" rsrsrs. Mas ficava o problema do cocô. Percebi que o problema dele era a areia. Aí fiz uma gambiarra que deu certo! Comprei uma caixa de plástico, dessas com tampa, tipo tupperware e fiz um buraco na tampa. La dentro fica a areia e o Chico não tem contato com ela. Ele sobe na tampa, mira no buraco e fica tudo certo!!! O único "senão " é que tenho que limpar a cada cocô porque claro que ele não tampa. E também não usa o banheiro se estiver sujo.

Kuka Fischer disse...

Tem que ver, também, se a caixa não está perto demais da área da comida, da água e do lazer. Tem gato que não gosta de pisar na areia, então pode ser que a liteira não dê apoio para os pés (minha Nana Flor só faz número dois com as 4 patas apoiadas nas bordas rsrs). Liteira meio cheia tb pode ser problema: a mesma Nana Flor que tem nojico de areia suja costuma fazer fora se eu demorar muito pra limpar a liteira, por isso eu tenho 3 liteiras pra 4 gatas. Tem o mau costume tb: uma vez que cagou em outro lugar mais "limpinho" e viu que ele é "autoclean", estabeleceu o mau costume: o negócio é lavar o lugar com vinagre algumas vezes pro cheiro sair e o meliante desassociar.

Mel disse...

Das três criatura em casa tenho uma se recusa a usar a caixa quando coloco sílica. Não teve acordo, tive que voltar para a areia xexelenta que ela adora. :)

Anônimo disse...

Recomendo fortemente homeopatia. Aqui em casa tem ajudado pro xixi, deve funcionar pro cocô também.

Anônimo disse...

E nós, que ainda os trazemos para casa...
Como diria Obélix: Esses gateiros são todos loucos!
Brincadeirinha, rss
Regina Haagen

Lúu Novaski disse...

Tb já tentei de td, e um deles não usa a caixa de areia! E desde pequeno :/ vou tentar a dica do papel!!

Laryssa Martins disse...

Já tenho esse problema há alguns meses também e já tentei resolver de diversas formas e até agora nada resolveu.
A Arthemis quando chegou aqui em casa fazia cocô na caixa, dividia com o outro gato tranquilamente. Mas depois de um mês a história de fazer fora da caixa começou. E ela faz sempre ao lado da caixa.
Já tentei aumentar o número de caixas, testei areias de todos os tipos, tentei comprar caixa maior e mais alta. Lavei o chão com vinagre, depois com pasta de sabão em pó e água e, por fim, com água sanitária (o que dizem que piora por causa do cheiro da amônia).
Estou testando um floral homeopático pra ver se ajuda e vou fazer um exame de fezes pra ver se não é algum parasita que o vermífugo não matou (sim, o vermífugo não consegue matar alguns tipos de parasitas, então se você tem problemas de cocô fora da caixa, é sempre importante fazer o exame de fezes).
Em caso de nada dar certo, de não ser nenhum problema de saúde e de não ter dado nada no exame de fezes, uma amiga gateira que tem mais de 40 gatos em casa me recomendou o uso de Fluoxetina. Ela disse que é usado em casos de gatos com desvio de comportamento. O tratamento demora alguns meses (assim como a homeopatia) e os resultados começam a aparecer depois de um à dois meses de uso. Ela está usando em um dos gatos e disse que está funcionando bem.

Espero ter ajudado de alguma forma e estou adorando o blog! Obrigada pelas dicas.

Laryssa

Beatriz Levischi disse...

O tratamento comportamental também, Ana C.?

Talvez, uma caixa maior acabe com as "capotagens".

Que engenhoca, bem-bolada, Juliane!

Nunca ouvi uma fonte confiável dizer isso, Isis. Compartilha?

Não se deve dar remédios humanos por conta própria a animais de estimação, Laryssa. Ó: http://blog.gatoca.com.br/2014/09/cuidado-com-remedios-humanos.html.

Wagner Nogueira disse...

E o meu amiguinho que resolveu fazer em cima do carro da vizinha... Ele faz na calha de plástico junto ao para-brisa ou mesmo no limpador de para-brisa. O jeito foi restringir suas saídas de casa. Vou trabalhar na colocação de mais uma caixa ou fazer uma "gambiarra" como sugerido pela Juliane Rocha.

Beatriz Levischi disse...

Gato não deve sair de casa mesmo, Wagner. Dê uma lida nestes posts: http://blog.gatoca.com.br/2012/03/telas-2-motivos-e-11-empresas.html e http://blog.gatoca.com.br/2015/02/xixi-fora-da-caixa-e-enriquecimento.html.

Priscila Di Tullio disse...

O Patrick tem 03 caixas de areia diferentes e nao usa para coco de maneira nenhuma so usa para xixi , ja fiz de tudo e nao adianta.

Beatriz Levischi disse...

O que o especialista em comportamento disse, Priscila?

Unknown disse...

O meu gato fazia coco na areia. Mas depois q uma gata no cio apareceu em casa ele começou a fazer fora. Falei com a veterinária dele e disse q não poderia ser pra marcar território Primeiro por ser filhote e segundo pq gatos não utilizam as fezes p demarcação
Porém em tenho 4 calopisitas. E meu gato faz as necessidades ou no local onde ficam as gaiolas ou nas proximidades. Troquei a areia dele para a que ele sempre usava. Quando troquei ele fez coco lá , mas no outro dia voltou a fazer no msm local. Queria saber o q poderia ser.

Beatriz Levischi disse...

Você precisa conversar com um especialista em comportamento animal.

Fernanda Fuser disse...

Oi!
O meu tbm xixi e dentro da caixa mas o coco é no chão na frente da caixa, as vezes eu falo, Salem mais um pouco vc acerta o alvo. Ele esta cm 4 anos e ja me mudei diversas vezes e o hábito nao mudou.

KYALA disse...

Caixa alta não acredito que seja problema, gatos pulam muros...

Adeline Dias Bachiega disse...

O meu faz xixi dentro da caixa, cobre, sai da caixa e faz cocô no chão!!! Não sei o motivo, por que ele faz somente o cocô no chão...vai entender, quando consigo ver que ele está indo fazer cocô, falo Tuco, ele entra e faz na caixa....safado

Beatriz Levischi disse...

Tem gato que não gosta de fazer xixi e cocô na mesma caixa, Fernanda e Adeline. Experimentem colocar mais uma.

Anônimo disse...

minha gata fazia normal na caixa junto com as outra 2 , até poco tempo eu uso serragem , as vezes faz do lado , troquei de lugar mais ñ resolve

Beatriz Levischi disse...

Você levou a gatinha ao veterinário para descartar a hipótese de problema de saúde?

Gabriela Martinez disse...

Resolvi o problema da seguinte forma: coloquei vários pratinhos com comida exatamente nos lugares aonde minha gata fazia coco que era em quatro cantos da área de de serviço e BATATA!!!! nunca mais!!! as vezes ela ate tenta tirar os pratos mas eu sempre os posiciono novamente!!! E O FAMOSO GATO NAO CAGA AONDE COME!!!!!

sonia.imac@gmail.com disse...

Bom dia
@larissa martins

Sabe dizer-me qual a dosagem de Fluoxetina que a sua amiga dá aos gatos?

Beatriz Levischi disse...

Fluoxetina é antidepressivo, Sonia. Como eu escrevi lá em cima, não se deve dar remédios humanos por conta própria a animais de estimação: http://blog.gatoca.com.br/2014/09/cuidado-com-remedios-humanos.html. Converse com um veterinário.

Anônimo disse...

Eu não aguento mais! Xixi vai pra caixa, cocô no chão. Na frente das caixas porque são 4. ... Será que castrar ajuda? O meu é macho. Obrigada!

Beatriz Levischi disse...

Se o cocô for uma estratégia para marcar território, ajuda, sim. E a castração tem várias outras vantagens, ó: http://blog.gatoca.com.br/2011/09/voce-castra-de-graca-e-ele-vive-mais.html. Você já levou o gatinho ao vet? Está tudo bem com a saúde dele?

Carolina Galhardo disse...

Kkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Meu gatão tem 5 anos e tentei de tudo. Não tem problema de saúde e experimentei vários tipos de areia. Nunca, mas nunca usou o penico pra fazer número 2! Agora está na fazenda. E ENTRA em casa pra fazer coco! Ah! Foi castrado aos 9 meses!

Beatriz Levischi disse...

Ele faz cocô sempre no mesmo lugar?

Kelly Cristina Silva De Almeida disse...

Bom dia a todos!

Minha gatinha nunca usava a caixinha, nos mudamos para uma casa maior, tenho mais 2 gatas mais velhas (4 anos) que ela, que a aceitaram super bem. A gatinha em questão hoje tem 1 ano. Eu já tentei de tudo, tenho varias caixas de areia espalhadas pela casa, sempre mantenho limpas, troco a areia constantemente, já troquei de areia por todas possíveis e agora utilizo a serragem. Antes da serragem a gatinha fazia xixi e coco fora do lugar, sempre nos mesmos lugares, então coloquei as caixas nos locais onde ela utiliza, então ela começou a fazer o xixi na caixa, mas o coco ela faz ainda fora, e nos mesmos luges, próximos as caixas de areia. Não sei mais o que fazer. as caixas estão em locaias calmos, tem mais de uma caixa para cada gato, mas ainda não consigo fazer com que ela utilize as caixas para fazer o coco. Existe alguma alternativa para treina la?

Anônimo disse...

olá, minha gatinha de 10 meses (castrada há 2 meses) sempre usou a caixa de areia para fazer xixi e cocô, e de repente ela começou a fazer só o cocô no chão.
a caixa de areia dela está sempre limpa, eu não troquei o tipo de areia, esta em local calmo e ainda comprei mais uma caixa, e ainda assim ela faz cocô no chão entre as 2 caixas, e o xixi dentro de uma das caixas.

creio que seja comportamental, mais não sei mais o que posso fazer, a veterinaria disse para eu colocar o felliway difusor mais não sei se isso é a solução, porque o felliway, eu coloco no ambiente para ela se sentir confortavel e tenho receio que ela possa confundir ecomeçar a fazer cocô pela casa.
O que eu poderia fazer?

Tata disse...

Tenho 4 gatos em casa. Uma femea de 4 meses sempre usou a caixinha desde de bebê, recentemente começou fazer xixi no chão, depois voltou pra caixinha, agora faz xixi na caixinha e cocô no chão. Nao sei o que fazer trocamos areia, usamos outras marcas, comprei até uma caixinha nova que chamam de banheiro de gatos, ela usou certo 2 dias e voltou a fazer cocô no chão..

bruno Boaventura disse...

Hahaha Ri muito com as manias do Chico!
Achei interessante a idéia da caixa com tampa, vou tentar fazer isso pra ver se a Luna começa a usar o banheiro certinho tambem.
Pq ela usa o banheiro que fica em baixo do sofá e apesar do cheiro que eu imaginava ser da caixa delw, eu só descobri o banheiro secreto dela semanas depois de ela inaugurar quando precisei arrastar o sofá de lugar. Foi uma tragédia.

Beatriz Levischi disse...

Treinar gato é missão inglória, Kelly Cristina. Você já excluiu a possibilidade de problema de saúde levando a pequena ao vet?

E você, Tata?

Houve alguma mudança na rotina da casa, anônimo? Você está passando mais tempo fora, tem recebido visitas, trocou os móveis de lugar?

Putz, Bruno! rs Depois conta para a gente se deu certo.

Kelly Cristina Silva De Almeida disse...

Beatriz Levischi,tudo bem?
Eu já levei ao Vet, está super saudavel!
Ela ainda continua a fazer o coco fora da caixa!:-(

atendimento house disse...

Estou nessa vida sofrida, a Fulana aqui tem 2 caixas de areia e só faz na frente delas, entra para fazer xixi apenas. Entrei aqui com esperenças de achar uma solução mais lendo os depoimentos perdi todas...����☹️

Simone Parra dos Santos disse...

Tenho dois gatos persas o mais velho Mingau tem 10 anos e desde que veio faz xixi e cocô no chão, já contratei a equipe do
Alexandre Rossi pra adestra-lo e não adiantou nada! Eles descobriram que ele tem nojo de areia e hoje uso nas caixas dele "tapetes higiênicos caninos" ele usa as caixas e continua fazendo no chão! Rs a outra persa Angel tem 9 anos até pouco tempo atrás achávamos que ela fazia tudo nas caixas dela de areia sílica até pegarmos ela em
Flagrante fazendo xixi no chão! Ou seja, os dois fazem às necessidades nas caixas e no chão!
Há 08 meses compramos uma Golden e temos Gêmeos (meninos) de 6 anos! Ou seja nossa casa é uma perfeita loucura e correria!
Com a chegada da Golden o Mingau se tornou mais agressivo e mais "porquinho", agora ele suja todos os lugares que tem oportunidade!
Comprei um arranhador bem alto para que ele pudesse ter mais tranquilidade (ele não usa), comprei felewey (não adiantou nada) e ele continua fazendo xixi pela casa toda!
Amanhã vou procurar novamente ou outro Vet

Beatriz Levischi disse...

E a um especialista em comportamento, Kelly Cristina?

Você tentou outros tipos e marcas de granulado higiênico, Atendimento House? Dê uma lida neste post: http://blog.gatoca.com.br/2017/07/119-leitores-avaliam-o-melhor-granulado.html.

Eu arriscaria a homeopatia, Simone. Se você for de São Paulo, a vet dos bigodes atende na Canto da Terra: www.facebook.com/CantoDaTerraONG.

Gabriela Amorim disse...

Tenho duas gatas, não sei qual das duas faz cocô no chão, sempre ao lado da caixa! A areia pode ter só um xixizinho, mas faz fora. Tornou-se hábito! O que faço?

Beatriz Levischi disse...

Siga as dicas do post, Gabriela. (Para descobrir a autora dos cocôs, é só deixar as gatas em cômodos diferentes por 24h.)